• touros

Fechar anúncio

11 abr

Genética Aditiva & Convidados comemoram sucesso do 1º remate de cavalo crioulo

Genética Aditiva & Convidados comemoram sucesso do 1º remate de cavalo crioulo Genética Aditiva & Convidados comemoram sucesso do 1º remate de cavalo crioulo
Eventos marcam a volta do Núcleo de Criadores do Cavalo Crioulo no MS
 

"Impressionou o número de animais participantes na morfologia, assim como a qualidade dos mesmos", afirmou Romeu Koch, técnico da ABCCC (Associação Brasileira dos Criadores de Cavalo Crioulo), sobre o julgamento morfológico que aconteceu nos dias 08 e 09 de abril, na Acrissul, em Campo Grande (MS).

A prova, organizada pela Genética Aditiva, Leonardo Zamban e Estanislau Ciasca, contou com 62 animais, de diversos criadores do Estado de Mato Grosso do Sul e teve a presença dos técnicos da ABCCC - Rafael Santanna e Romeu Koch, além do vice-presidente, Frederico Wolf, que também comentou a respeito dos animais. "Chamou a atenção a quantidade de cavalos, uma vez que, mesmo no Sul, muitas vezes é complicado chegar a 50 animais para o julgamento", completa.

Como a prova ultrapassou o número mínimo de animais (40), esta se torna oficial, sendo portanto, o primeiro evento oficial do MS. "Nunca antes o Estado conseguiu organizar uma prova oficial da ABCCC", diz Rafael Santanna.

Núcleo - No dia 08, em reunião com criadores, Rafael Santanna explicou a necessidade da criação de um núcleo de criadores de cavalo crioulo no MS. "O Estado já teve um núcleo há muitos anos atrás, mas foi desativado. Inclusive um dos criadores que participa hoje conosco do evento, foi fundador deste 1º núcleo", afirma. Trata-se de seu Raul Kessler, que colocou animais na morfologia e também no leilão que aconteceu no último dia 09.

Desta vez, quem resolveu tomar frente do núcleo é o criador Leonardo Zamban. "Meu tio foi um dos fundadores do primeiro núcleo. Hoje, foi escolhido que eu serei o presidente desta nova formação", explica. O Núcleo Centro-Norte de Criadores de Cavalo Crioulo nasce da necessidade de fortalecer o grupo que será responsável pela difusão da raça no Mato Grosso do Sul. "Trata-se de um passo fundamental para o desenvolvimento da raça. Com o núcleo, o acesso à associação será mais facil, bem como para o apoio na promoção de eventos relacionados à raça", confirma Romeu Koch.

Sobre o leilão - "O remate foi um sucesso", afirma o diretor da Genética Aditiva, Geraldo Paiva. Os 41 lotes ofertados no Leilão União Raça Crioula do MS foram rapidamente comercializados, totalizando R$ 458.500, afirmando a qualidade e funcionalidade desta raça.

Entre os fatores de sucesso do leilão, Romeu Koch destaca além da qualidade dos animais, a ampla divulgação. "Criadores do Sul entraram em contato comigo no primeiro dia que cheguei no MS. Eles haviam visto as entrevistas na TV e já estavam interessados em determinados animais", conta.

Sobre o resultado da morfologia e do leilão, bem como sobre a fundação do Núcleo, o vice-presidente da Associação comenta "Percebo que a Genética Aditiva está com vontade de fazer o cavalo crioulo no Mato Grosso do Sul, isso é ótimo. Tenho certeza que virão mais eventos pela frente, no intuito de divulgar essa raça", completa.